Notícias de União e Região

CONFUSÃO:MOTORISTA DA “VIACAO SETE”É ACUSADO DE SACAR ARMA E AGREDIR FUNCIONÁRIO DA “VAMOS”

Uma ocorrência envolvendo funcionários de duas empresas de Ônibus com linhas para a cidade de União por muito pouco não termina em tragédia.
O fato ocorreu no início da tarde da última quinta-feira (13/02), por volta de 18:30h, nas proximidades do condomínio Aldebaran Ville e se deu quando o ônibus de prefixo 104 da empresa Vamos Linhas Terrestres parou parar pegar passageiro num ponto onde próximo havia um micro ônibus da empresa Viação Sete que estava fazendo o translado de passageiros de um ônibus para o outro,da mesma empresa (Viação Sete).
Segundo o boletim de ocorrência, o jovem João Carlos (fiscal de operação da empresa VAMOS) relatou que trafegava em via pública quando parou para pegar um passageiro, momento em que foi agredido com socos no estômago por um motorista, funcionário da empresa Viação Sete, identificado apenas por De Deus, que estava próximo, fazendo translado de passageiros entre ônibus daquela empresa. O jovem relatou ainda que o mesmo conseguiu entrar no ônibus para fugir das agressões, oportunidade em que o acusado sacou uma faca e passou a ameaca-lo de morte.
Consta no B.O, que esta não seria a primeira vez que o mesmo era ameaçando de morte, além de ser ofendido verbalmente durante seu expediente de trabalho.
De acordo com a diretoria da Empresa Vamos Linhas Terrestres, um Processo já foi istaurado numa Delegacia de Teresina onde o caso foi registrado, para que as autoridades apurem os crimes de lesão corporal, ameaça e uso de ilegal de arma branca (faca). As penas para este tipo de crime podem chegar ate 4 anos de prisão caso seja condenado.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: