Notícias de União e Região

Servidora denuncia falta de professores na rede municipal

Tema recorrente em União, a falta de professores para algumas turmas e disciplinas da rede municipal de educação voltou a ser tema de denúncia.

O sindicato dos servidores públicos de União, recebe denúncias constantes de servidores e mães de estudantes da zona urbana e rural, questionando o número de profissionais em sala de aula.

Temos exemplos da U. E. José Costa, desde Maio, (quando uma professora entrou com licença sem vencimento) falta professor de ciências e da U.E. Joana Maria , a turma do pré II e 1° ano, dia de quarta feira só teve professora por 2 meses no 1° semestre. No 2° semestre continua sem professor. Turma do 9 ano está sem aula de inglês e arte desde o final de agosto.

Estes citados acima são apenas alguns exemplos do descaso da Secretaria de educação e da gestão com a comunidade escolar de União.  Sendo importante destacar que há localidades que faltam professores desde o 1° semestre.

Acumulação de cargos

Especula-se entre profissionais da SEMED, que a gestão revogará portarias de professores 80h.

Segundo informações extra-oficiais, a revogação será apenas para os professores que tem 80 horas/aulas. Os que estão com 40 horas, permanecem inalterados.

De acordo com membros do SSPU, se tal ato for concretizado, dezenas de professores ficarão  em pleno mês de novembro, sem o seu segundo turno e os alunos do município sem aula ou sem professores com formação adequada para atuarem nas salas de aula na reta final do ano letivo.

Com informações do SSPU

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: