Notícias de União e Região

Congresso das Cidades: Coordenador do PNUD apresenta projeto para elevar IDH de municípios piauienses

O coordenador do escritório do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) no Piauí, Maurilo Oliveira, apresentou painel no Congresso das Cidades explicando a implantação do projeto piloto Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS-Piauí)  no território do Vale do Itaim.

A superintendente de Planejamento da Secretaria Estadual de Planejamento (Semplan), Rejane Tavares, também apresentou o painel que detalhou como o projeto está sendo executado no Estado desde 2018.

Foto: Gabriel Paulino

A apresentação foi feita no Auditório 3 do Espaço Técnico da II edição do Congresso da Cidades, que segue até esta quinta-feira (8). Maurilo Oliveira explica que o projeto busca implementar mecanismos para gestão eficiente, fortalecer a governança colaborativa , consolidar desenvolvimento humano sustentável e aumentar o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) das cidades.

“Esse projeto inicia por diagnósticos. Foi feito no primeiro ano levantamento de diagnósticos, identificando gargalos que hoje dificultam a aceleração do Desenvolvimento dessas regiões. A partir daí se construiu algumas ações que são impulsionadoras e nós estamos discutindo a nível de ODS como implementá-las nesses territórios. Então nesse primeiro ano foi muito de levantamento da situação para planejar a partir do segundo existirão ações mais concretas e efetivas, inclusive, fomentar projetos que possam responder de uma forma mais eficaz as demandas desses territórios”, explica Maurilo.

O projeto ODS-Piauí iniciou no Vale do Itaim porque a região engloba municípios com baixos Índices de Desenvolvimento Humano. O território é formado pelas cidades de Padre Marcos, Francisco Macêdo, Caldeirão Grande do Piauí, Marcolândia, Simões, Caridade do Piauí, Curral Novo, Betânia do Piauí, Acauã, Queimada Nova, Paulistana, Jacobina do Piauí, Patos, Massapê do Piauí, Jaicós e Belém do Piauí.

Nos próximos anos o projeto ODS-Piauí serão executados no território da Serra da Capivara e Cocais.

Com informações: Portal cidadeverde.com

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: