esporte

Esporte de Luto: Morre aos 37 anos, Alex Alves

Depois de dois anos lutando contra a leucemia, Alex Aves , faleceu nesta quarta-feira 14 de novembro de 2012, com apenas 37 anos, na cidade de Jaú, no interior do Estado de São Paulo.

Depois de dois anos lutando contra a leucemia, Alex Aves , faleceu numa quarta-feira, precisamente em 14 de novembro de 2012, com apenas 37 anos, na cidade de Jaú, no interior do Estado de São Paulo.

Afastado do futebol, o ex-atleta foi internado no hospital jauense  Amaral Carvalho, nos últimos oito meses de sua vida para realizar tratamento contra a  doença que o vitimou .

Atacante veloz que tinha como marca comemorar seus gols com golpes de capoeira, Alexandro Alves do Nascimento, mais conhecido como Alex Alves, ganhou projeção nacional na bela campanha do Vitória no Campeonato Brasileiro de 1993, quando a equipe baiana perdeu a final para o fortíssimo Palmeiras da “Era Parmalat. 

Nascido em Campo Formoso-BA em 30 de dezembro de 1974, Alex Alves iniciou sua carreira em 1992, jogando pelo Vitória. Após ótimas atuações no Campeonato Brasileiro de 1993, ano em que o clube baiano foi vice-campeão, o atacante foi contratado pelo Palmeiras, justamente o time que derrotou o Leão da Barra na decisão daquele nacional.

No Palestra Itália, à época recheado de grandes jogadores contratados com a ajuda da parceira Parmalat, Alex Alves não teve grande sucesso, e logo foi emprestado ao Juventude e Portuguesa. Na Lusa, o atacanteconseguiu reaparecer, fazendo 43 jogos, 12 gols e sendo novamente vice-campeão brasileiro, o que chamou a atenção do Cruzeiro, que contratou o atleta em 1998.

Em sua temporada de estreia pela Raposa, o avante conquistou o Campeonato Mineiro e pela terceira vez o vice do Brasileirão, quando a equipe celeste foi derrotada na final pelo forte Corinthians do fim dos anos 90. No ano seguinte, foi negociado com o futebol alemão, onde defendeu o Hertha Berlin.

A passagem de Alex Alves pela Alemanha não foi das mais felizes. Com diversas lesões e polêmicas extracampo, o jogador foi tachado como “garoto problema” pela imprensa local, além de ter sido considerado pelo jornal Bild, um dos principais do país, uma das 50 piores contratações do futebol alemão em todos os tempos.

Retornou ao Brasil em 2003, para acompanhar o tratamento de sua mãe, que havia sofrido um aneurisma cerebral. Rapidamente, acertou com o Atlético-MG, onde atuou por uma temporada, até assinar com o Vasco da Gama.

Da Colina, Alex Alves retornou ao Vitória, onde, desta vez, teve uma passagem apagada. Assim como no Boavista-RJ, Fortaleza, Kavala-GRE e União Rondonópolis-MT, clubes por onde o atacante passou até encerrar sua carreira. 

Foto: Reprodução/UOL

 

Fonte: Portal de União
Data publicação: 14/11/12, 11h03

 

 

 Mais Esporte

Galeria de Imagens
GEOGRAFIA

GEOGRAFIA

Igrejas e Capelas

Igrejas e Capelas

GaleriaMix

GaleriaMix

Pela primeira vez, o desfile cívico aconteceu na região da comunidade Tabocas

Prefeito Gustavo Medeiros fala sobre a situação encontrada na prefeitura de União

Folha de União Nº86

Folha de União Nº85